Tecnologia-UV

    Atuando no trinômio inovação tecnológica, qualidade incontestável, preço e prazo de entrega, estabelecemos uma estratégia de marketing para conquistarmos e fidelizarmos nossos clientes.

A) Inovação Tecnológica: oferecemos um equipamento com “know-how”, de alta tecnologia, com pioneirismo no mercado, com custo aquisitivo extremamente atrativo, de baixo consumo energético e de mínima manutenção em relação aos esterilizadores convencionais existentes (autoclave e estufas).
B) Qualidade Incontestável: nosso produto foi testado pelo IPT-SP com comprovada eficácia, cuja produção terá início, respaldada em processos que visem à certificação ISO e Boas Práticas de Fabricação.
C) Preço: nosso produto terá preços muito mais competitivos que os praticados nos modelos tradicionais de esterilizadores, pois a tecnologia empregada é diferente e o custo dos equipamentos serem mais baixos.
     Prazo: por se tratar de um equipamento de baixa complexidade e manutenção, temos condições de atender aos pedidos em prazos curtos e, até mesmo, a pronta entrega.

O caráter inovador que a SORRILHA TECNOLOGIA-UV está buscando, não se limita ao aspecto tecnológico científico, mas sim a toda uma metodologia que envolve o processo na gestão visando a perfeição de uma empresa de Classe Mundial.

1) Caráter inovador relacionado à fabricação, onde cada unidade industrial de produção será terceirizada, seguindo o caminho inverso da verticalização, o que propicia maior geração de empregos, pois ficará responsável por apenas uma parte do processo; internamente estamos caminhando conforme recomendação ANVISA para as Boas Práticas de Fabricação, muito superior a uma certificação ISO-9000.

2) Caráter inovador relacionado ao aspecto de relevância social, que será amplamente valorizado e incentivado, no qual a montagem do produto acabado será realiza no sistema de cooperativismo, dando oportunidade de trabalho, iclusive às pessoas com necessidades especiais.

3) Caráter inovador relacionado ao aspecto trabalhista, a norma regulamentadora NR15 do Ministério do Trabalho, que trata das atividades e operações em locais insalubres, também lista o mercúrio como um dos principais agentes nocivos que afetam a saúde do trabalhador. Neste sentido, as lâmpadas que vão equipar nosso produto serão obrigatoriamente manipuladas com EPI - Equipamento de Proteção Individual.

4) Caráter inovador relacionado a responsabilidade social e ambiental é dar a destinação correta às lâmpadas descartadas, queimadas e/ou substituídas. No Brasil a norma que trata dos resíduos sólidos, ABNT NBR 10.004, as “lâmpadas com vapor de mercúrio” estão incluídas nesta norma, em seu "Anexo A", e são classificadas automaticamente como resíduo perigoso, classe I, nos termos da Norma.

5) Caráter inovador relacionado ao marketing de fornecimento do produto, nosso diferencial frente à concorrência, será a disponibilização do produto ao cliente em curtíssimo prazo, ou até mesmo a pronta entrega, por uma equipe de venda técnica altamente treinada e capacitada, que fará uma demonstração no próprio local, de forma detalhada no estabelecimento do cliente, encurtando distâncias, agregando uma fidelização ímpar na relação comercial.

6) Caráter inovador relacionado à garantia do equipamento, dando cobertura total ao aparelho, até mesmo em casos de queima de reator ou lâmpadas, observadas obviamente as recomendações de uso da corrente elétrica adequada 110/220V e a vida útil de 7.000h das lâmpadas.

7) Caráter inovador relacionado ao aspecto tecnológico científico, utilizando a mais avançada tecnologia em engenharia genética voltada à esterilização, através da redução oxidativa microbiana (POAs) resultante do uso de RUV-C. Em resumo, a formação de ligações permanentes entre bases púricas e pirimídicas, sucessivas da dupla fita helicoidal de DNA, quando duas pirimidinas adjacentes na fita de DNA unem-se (T-T, C-C ou A-A), formando dímeros e hidratos, assim causando danos à proteína celular (ácido-desoxirribonucleico e ácido-ribonucléico), em decorrência da absorção da RUV-C, e o consequente rompimento da membrana lipoproteica, serão os principais mecanismos de inativação microbiana, uma vez que impedem a mitose celular da G1 de forma irreversível. Assim previne-se a expansão de doenças, com eficiência no combate de patógenos e outros agentes contaminantes e poluentes, que causam doenças infecciosas pelo ar, água e objetos. Para tanto, foram testados os mais severos microrganismos de referência hospitalar: Staphylococcus aureus ATCC 6538 (maior causador de infecção hospitalar, resistente a todos os antibióticos, exceto VANCOMICINA); Escherichia coli, Bacillus subtilis, Cândida albicans e Trichophyton mentagrophites. Esses testes, realizados no IPT servem de indicadores de que a RUV-C deve ser utilizada como meio alternativo e seguro de promover a inativação da cadeia de DNA-RNA, impedindo sua replicação, reprodução e propagação, seja em bactérias, vírus, leveduras, fungos esporulados, protozoários,  algas e demais organismos patogênicos que possam vir a causar doenças, seja através do ar, água ou objetos de manipulação como instrumentais.

No Brasil as pesquisas iniciaram há mais de 30 anos, em 1977 na Escola de Engenharia de São Carlos – USP quando iniciou-se os estudos para desinfecção de esgotos como forma economicamente alternativa ao uso de cloro.

Todos os direitos AUTORAIS, incluindo imagens e Logo Marca - PROIBIDO CÓPIA TOTAL ou PARCIAL